Disciplina - Sociologia

O Pianista - Trabalho forçado

O pianista polonês Wladyslaw Szpilman (Adrien Brody) interpretava peças clássicas em uma rádio de Varsóvia quando as primeiras bombas caíram sobre a cidade, em 1939. Com a invasão alemã e o início da 2ª Guerra Mundial, começaram também restrições aos judeus poloneses pelos nazistas. Inspirado nas memórias do pianista, o filme mostra o surgimento do Gueto de Varsóvia, quando os alemães construíram muros para encerrar os judeus em algumas áreas, e acompanha a perseguição que levou à captura e envio da família de Szpilman para os campos de concentração. Wladyslaw é o único que consegue fugir e é obrigado a se refugiar em prédios abandonados espalhados pela cidade, até que o pesadelo da guerra acabe.

Esse trecho mostra a situação de Varsóvia depois de uma intervenção nazista e, no meio desse caos, Wladyslaw Szpilman se esconde depois de ver sua família seguir para um campo de concentração. Percebemos, nesse trecho, as crueldades do regime totalitário e a submissão dos judeus ao trabalho forçado, prática comum nesse período. Na sequência, durante um dia de trabalho o pianista encontra amigos da rádio que o ajudarão a sobreviver na clandestinidade.

Produção: Ficha Técnica: (Le Pianiste), Drama, França, 2002, 148 min. COR. Direção: Roman Polanski.

Idioma: Português

Palavras-chave: Antissemitismo. Guerra. Nazismo. Polônia. Preconceito.

Duração: 6min57s

* Todas as informações contidas nesse vídeo referem-se ao período de sua edição.

  • 15673
  • 1542
Fechar

Campos com (*) são obrigatórios.

fechar

Copie o código abaixo e insira em sua página:


Ou compartilhe através dos sites:

Fechar

Mais Informações